Notícias

O carboidrato pode ajudar a combater a TPM

A tensão pré-menstrual (TPM) é um mal que atinge até 86% das mulheres em idade reprodutiva, causando prejuízos na qualidade de vida e produtividade. Os principais sintomas da TPM são irritabilidade, dor nas mamas, ansiedade, dor de cabeça, aumento do apetite e alterações no humor, que podem ser minimizados com o uso de medicamentos, a prática de exercícios físicos e alimentação.

Alguns nutrientes podem contribuir para a melhora da TPM, como os carboidratos, vitamina B6, magnésio e triptofano, pois estão envolvidos na formação da serotonina – neurotransmissor responsável por regular o humor, sono e o apetite, além de promover a sensação de bem-estar. Como na TPM a quantidade de serotonina está reduzida, é recomendada a ingestão de alimentos que participam da sua formação.

Os carboidratos  permitem manter a glicemia e a liberação da insulina estáveis, situação necessária para a disponibilidade do triptofano e a síntese de serotonina. “Durante a TPM, a vontade de consumir alimentos fontes de carboidratos como pães, massas, cereais e biscoitos aumenta justamente por conta da necessidade de elevar a produção de serotonina”, conta Beatriz Botequio, nutricionista consultora da Associação Brasileira das Indústrias de Biscoitos, Massas Alimentícias e Pães & Bolos Industrializados (ABIMAPI).

As melhores opções de carboidrato são nas versões integrais, já que possuem mais fibras – importantes para aumentar a sensação de saciedade e controlar o peso. “O carboidrato devem fazer parte das principais refeições, na forma de pão no café da manhã, macarrão no almoço ou no jantar e até mesmo bolos feitos com farinha integral nos lanches intermediários”, completa a nutricionista.

Além disso, alimentos como o pão integral, nozes, frutas, hortaliças e os cereais integrais são fontes de magnésio, um mineral encontrado em baixo nível nas mulheres com TPM, e que pode reduzir a retenção de líquidos, comum neste período. A vitamina B6 é interessante para minimizar as alterações de humor durante a TPM, e pode ser encontrada em alimentos como os cereais integrais, banana, nozes, milho, batata, leite e seus derivados.

Para as mulheres que apresentam sintomas leves da TPM, recomenda-se manter uma alimentação saudável e evitar o sedentarismo, praticando alguma atividade física que lhe proporcione prazer e bem-estar, como forma de reduzir o estresse. Para mulheres com sintomas mais intensos, além de mudanças nos hábitos de vida, os ginecologistas  podem indicar  o uso de medicamentos e suplementos vitamínicos.

Fonte: ABIMAPI